Conselhos para compra
Portuguese Basque Catalan English French Galician German Italian Spanish

 

 

 

1- PROCURE UM EQUILÍBRIO DE FACTORES.

 

Existem diversos factores a considerar quando escolhe uns sapatos para correr; o seu ciclo biomecânico, o seu tipo de pé, não importa a marca, se conseguir encontrar os sapatos que possuem as características adequadas às suas necessidades, praticará com maior conforto e com menores hipóteses de se lesionar.
 

2-CONHEÇA O SEU CICLO BIOMECÂNICO.

 

Todos os indivíduos possuem um ciclo biomecânico único, alguns são pronadores e outros supinadores.
Os sapatos possuem características que ajudam a compensar esses problemas.
Como podemos determinar o nosso ciclo?
Olhe para os seus sapatos velhos, se a estrutura superior estiver inclinada para o lado medial (interno),provavelmente é pronador, se estiver inclinada para o lado lateral (externo) existem grandes probabilidades de ser supinador (ver pronação e supinação).
Se tiver dificuldades peça ajuda ao seu médico ortopedista.
 

3- FORMATO DO SAPATO

 

Os pronadores normalmente precisam de sapatos direitos ou ligeiramente curvos. Os supinadores podem compensar o seu problema com sapatos semicurvos ou curvos ( ver "anatomia do sapato").
 

4- AMORTECIMENTO DE IMPACTOS

A prática desportiva provoca impactos que excedem o peso do seu corpo.
Uma sola intermédia com uma boa capacidade de amortecimento de impactos é importante nos sapatos desportivos.
As melhores solas intermédias são as de E.V.A., de Poliuretano ou os dois materiais combinados.
Alguns fabricantes acrescentam diversas tecnologias nas solas intermédias para aumentar a capacidade de amortecimento de impactos, e quase todas elas funcionam com eficácia, se é supinador necessita de amortecimento extra.
 

5-PALMILHA REMOVIVEL

A palmilha não só oferece conforto, mas também capacidade de amortecimento de impactos, por essa razão, e porque a palmilha perde a sua eficácia ao longo do tempo de vida do sapato deve ser substituída de 1/2 em 1/2 ou de 1/4 em 1/4 do tempo de vida útil dos sapatos (que é um tempo médio de vida de 500 a 800 quilómetros .
 

6- ESTABILIDADE OU CONTROLE BIOMECÂNICO

A estabilidade é um factor importante (para os pronadores é mesmo o factor mais importante ).
A maior parte dos modelos possuem solas intermédias moldadas, possibilitando ao pé assentar anatomicamente no sapato.
Outros modelos possuem apoio extra ;sola subida lateralmente ,contrafortes externos, barras estabilizadoras, sola intermédia de dupla densidade, dispositivos anti-pronação, sapatos com corte subido também oferecem apoio extra.
 

7-APOIO

Um contraforte firme e resistente é muito importante para ajudar a minimizar o excesso de movimentos laterais, as construções dos sapatos também influenciam o apoio as construções que mais apoio oferecem são o vulcanizado ou colado e o combinado.

 

8-DURABILIDADE

A maior parte dos sapatos de hoje em dia são bastante duráveis com aplicações em nylon para uma boa capacidade de respiração ou em couro para durabilidade extra, as solas mais duráveis são as de borracha sólida.
 

9-ACOMODAÇÃO

Os seus pé alargam e expandem durante a prática desportiva devido ao efeito do calor e dos impactos.
A prática desportiva continuada em tempo quente poderá fazer os seus pés expandirem um tamanho e meio ou mais não compre sapatos como se fosse para estar parado com eles calçados.
Deixe uma folga igual à largura da unha do seu dedo polegar entre o fim da caixa dos dedos e o seu dedo mais longo.
Certifique-se que consegue mover os dedos livremente sem sentir a caixa dos dedos do sapato. O calcanhar deve estar justo mas confortável , acima de tudo MEÇA os seus pés sempre que possível (a idade, as lesões , e os impactos vão modificando os nossos pés).
 

10-COMPRE NUMA LOJA ESPECIALIZADA

(Os conselhos dos vendedores por vezes são bastante úteis).